IRRIGAÇÃO

 

Sem sombra de dúvida a irrigação é um seguro para sua colheita, e essa prática vem sendo usada cada vez mais pelos agricultores.É uma prática agrícola que permite manter um suprimento regular de água para as plantas e associando às demais práticas agrícolas torna-se um fator de garantia da produção agrícola um seguro para sua colheita.

 

A irrigação é mais um instrumento do manejo agrícola. Ao lado das demais práticas, integra um conjunto de atividades que tem por objetivo o aumento da produção, buscando criar e assegurar as condições ideais para o desenvolvimento da planta.A função essencial da irrigação é propiciar à cultura um suprimento regular de água, de maneira que as demais operações agrícolas, como fertilização, mecanização, controle de pragas e doenças, possam atingir seus máximos benefícios ou seja, maior produtividade e maiores lucros.

 

 

 

 

Quanto e Quando Irrigar

A prática da irrigação é muito antiga. Na verdade, a Bíblia e a História já registram o uso da irrigação pelas mais antigas civilizações.Por esses registros antigos, supõe-se que a irrigação tenha sido feita de modo muito simples e prático, embora muitas vezes envolvesse obras de grande porte para o represamento da água.

No Brasil, só mais recentemente, ou seja, a partir dos anos 50, é que a técnica da irrigação vem desenvolvendo-se como uma prática baseada em dados científicos.Assim, qualquer técnica deve partir de dois pontos  básicos: quanto e quando irrigar. Em outras palavras, a água deve ficar à disposição da planta na quantidade e na ocasião em que ela necessitar.

 

VANTAGENS DA IRRIGAÇÃO

Garantia de produção- com a instalação de um sistema de irrigação adequado, você não ficará mais na dependência das chuvas.

Diminuição dos riscos - após todos os investimentos na preparação do solo, na compra de sementes, na aplicação de corretivos e adubos, você não correrá o risco de ver tudo perdido por falta de água.

Colheita na entressafra - a irrigação possibilita obter colheitas fora de época de safra, o que resulta em remuneração extra e abastecimento regular do mercado consumidor.

Aumento de Produtividade - com todos os fatores do processo produtivo devidamente equilibrados, o uso da irrigação, além de garantir a produção,possibilitará, também um  aumento dos rendimentos.

Fertirrigação -possibilita a aplicação de adubo por meio da água de irrigação, substituindo a adubação convencional por meio de tratores, reduzindo o consumo de óleo, desgaste de máquina e o emprego de mão de obra.

 

LIMITAÇÃO DA IRRIGAÇÃO

Alto custo inicial

Falta de mão de obra especializada, o agricultor deve ser orientado para saber a diferença entre irrigar e molhar.

 

PERÍODOS DE MAIOR EXIGÊNCIA DE ÁGUA DE ALGUMAS CULTURAS

  

CULTURA

PERÍODO CRITICO

TOMATE

FORMAÇÃO FLORES/CRESC. FRUTO

ALFACE

FORMAÇÃO CABEÇA/ANTES COLHEITA

REPOLHO

DURANTE FORMAÇÃO CABEÇA E O SEU CRESCIMENTO

 CEBOLA

FORMAÇÃO DO BULBO

SORGO

PERFILHAMENTO,FLORAÇÃO, ENCHIMENTO GRÃOS

FEIJÃO

FLORAÇÃO E FORMAÇÃO DAS VAGENS

 CÍTRICOS

FLORAÇÃO E FORMAÇÃO DO FRUTO

ALGODÃO

FLORAÇÃO E FORMAÇÃO DO CAPULHO

CANA DE AÇÚCAR

PERÍODO MÁXIMO DE CRESCIMENTO VEGETATIVO

GIRASSOL

FORMAÇÃO DAS FLORES E MATURAÇÃO DAS SEMENTES

SOJA

CRESCIMENTO VEGETATIVO E FLORAÇÃO

MORANGO

DESENVOLVIMENTO E MATURAÇÃO DOS FRUTOS

AVEIA

EMERGÊNCIA DA ESPIGA À ESPIGA COMPLETA